Segunda, 29 de Novembro de 2021 23:48
(64) 99229-6034
Saúde Goiânia

Comércio em Goiânia volta a funcionar no fim de semana, diz prefeitura

Flexibilização foi possível após análise dos últimos indicadores da pandemia, como taxa de ocupação de leitos e o índice de transmissão.

22/10/2021 08h07
103
Por: Cristiano Souza Fonte: Dia Online
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Após reunião na tarde desta quinta-feira (22/4), no Paço Municipal, a prefeitura informou que o comércio em Goiânia deve voltar a abrir no fim de semana. Um novo decreto liberando o funcionamento das atividades deve ser publicado ainda nesta quinta-feira.

A reunião contou com a presença do secretário de governo, Artur Bernardes, secretário municipal de saúde, Durval Pedroso, e representantes do setor produtivo.

Conforme discutido, comércio, bares e restaurantes estarão autorizados a funcionar durante os finais de semana. Os horários de funcionamento devem ser mantidos, sendo das 9h às 17h para lojas de rua, e das 10h às 22h para shoppings. Os estabelecimentos poderão, inclusive, retomar música ao vivo com voz e violão.

A previsão é que o novo documento entre em vigor a partir desta quinta-feira (22/4) com validade até a próxima semana, quando o governo estadual deve publicar um novo decreto, momento que a prefeitura reavaliará o decreto do município.

Comércio em Goiânia reabre aos sábados, mas com protocolos sanitários

De acordo com o secretário de Governo, Arthur Bernardes, que liderou a reunião, “a notícia é boa, mas vem acompanhada de muita responsabilidade e observância plena dos protocolos sanitários”.

O prefeito Rogério Cruz determinou que fossem realizados estudos de viabilidade para contemplar os setores. “Reconhecemos que muitos negócios têm mais movimento aos fins de semana. E entendendo que os empresários estão inteiramente comprometidos com o combate ao coronavírus e que vivemos um momento de estabilidade, decidimos dar esta contribuição à economia da nossa cidade”, destacou o prefeito.

Arthur Bernardes ressaltou que a decisão foi baseada em estudos técnicos, o que possibilita a flexibilização. “A análise constante dos dados epidemiológicos nos possibilitaram flexibilizar este decreto que contempla muitas das reivindicações dos senhores. Os índices começam a nos mostrar que a gente tem uma relativa segurança para fazer essa reabertura, mas não de forma plena”, enfatizou o secretário ao cobrar dos empresários atenção para que ajudem o poder público na fiscalização de irregularidades.

O novo decreto será assinado pelo prefeito Rogério Cruz ainda nesta quinta-feira e deverá manter os horários em funcionamento da forma como está no atual decreto. Outra mudança que deverá conter no documento é a permissão para a execução de ambientação sonora ao vivo limitada a dois músicos.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.